27 junho 2015

Como Superar Traumas?



Olá meus amores tudo certo com vocês?


Bom, hoje vim falar sobre traumas pois sabemos que a vida nunca nos deu nem nunca nos dará a garantia de que não soframos com nada e nem com as coisas ruins que nos rodeiam. Mas podemos ser tomados por surpresas desagradáveis ou até mesmo quando levamos um golpe que achamos não merecê-lo.
Vou contar um pouco do trauma que sofri e como fiz para superá-lo, pois acho muito importante a gente falar o que nós sofremos, as vezes a pessoa que ler pode ter passado pelo mesmo problema. E com isso, a pessoa se identifica e sente até alguma melhora, digamos que é como uma terapia, ler o que as outras têm a dizer sobre suas próprias vidas.Pelo menos para mim.


Google imagens



Há mais ou menos 12 anos eu sofri um acidente, fui atropelada na porta de casa, eu estava na calçada e o carro partiu com tudo e cai por cima do capô, fui arrastada a alguns metros, sofri várias escoriações e fraturei o pé. Bom , foi um milagre, pois o carro poderia ter passado por cima de mim.

Como todos falaram eu nasci de novo, acredito que Deus me deu outra chance,as vezes nos afastamos de Deus por tantas decepções que vão acontecendo em nossas vidas e ficamos incrédulos, perdemos nossa fé. Acredito que aconteceu isso comigo por ter perdido minha fé, e esta foi uma peça pregada na minha vida que fez com que eu resgatasse minha fé e me voltasse mais para Deus.

Pois como sabemos, temos que tirar sempre uma lição de tudo quanto é coisa ruim que acontece seja doenças, desemprego,desilusões amorosas, perda de um ente querido enfim de tudo se tira um proveito um crescimento pessoal né verdade?E todos nós somos capazes de superá-los e ultrapassar as angustias do passado.

No entanto, apesar de não ser possível mudar ou apagar os acontecimentos dolorosos vividos no passado, é possível aceitar a dor e a perda, como sendo uma forma de libertação. Separei alguns passos que tomei para superar o trauma do meu acidente, mas que também continuo utilizando ao longo da minha vida.


1° PASSO- ACEITAÇÃO

Gente eu demorei muito para aceitar que aquilo estava acontecendo comigo,pensei: Logo comigo?Fiquei com muita raiva e amarga, mas essa fase é necessária para podermos passarmos para fase de aceitação.
Então aos poucos fui percebendo e aceitando que eu deveria acatar a vontade de Deus e se aquilo estava acontecendo, é por que serviu para que eu despertasse para minha vida. É como se Deus tivesse estalando os dedos para que eu acordasse entende. E dissesse: eu estou aqui e tenha mais fé em mim e na sua vida que tudo dará certo.


2° PASSO- DAR A VOLTA POR CIMA

Na época em que eu fui atropelada eu também tinha perdido o emprego, tinha terminando um namoro e também já havia iniciado o cursinho pré-vestibular, já estava frequentando a 3 meses e fiquei impedida pelo acidente.
Pensei realmente em desistir de tudo,mas pensei bem e retomei os estudos em casa mesmo todos os dias sozinha, perseverando. E o resultado veio com a benção de Deus, fui aprovada pela primeira vez.Vocês não imaginam como valeu a pena não ter desistido. Então nunca desistam dos seus sonhos por algum motivo.


3° PASSO- SUPERAÇÃO

Primeiro procurei em quem me apoiar, afinal de contas o ser humano não foi criado para viver só. Procurei ficar mais próxima das pessoas que eu gosto, pois a superação foi até mais rápida.Me peguei em Deus , comecei a rezar mais e consequentemente minha fé foi aumentando gradativamente. Se apegue naquilo que você acredita, ajuda e muito.

Quando acontece algo em determinado lugar com a gente nem queremos mais ficar neste lugar né mesmo? então como estava perto do final do ano foi  em outubro o acidente, eu resolvi viajar em dezembro para casa dos meus parentes, isso também ajudou a superar. Mas se você não puder viajar, vá passar uns tempos na casa de uma amiga(o).

Bem, a superação vem com o tempo, para alguns pode ser rápida, para outras pessoas mais demorada, pois cada ser humano tem seu tempo. Mas se ainda assim, não resolver é preciso procurar ajuda de um profissional. Os traumas costumam desencadear doenças silenciosas e devemos ficar atentos a elas.





Portanto, é isso meus amores quis passar um pouco da minha vida, como superei, claro que nunca iremos esquecer, coisas ruins que acontecem conosco, mas temos que perceber que para superar algo precisamos vivenciar de fato, passar pelo luto, aceitar e acreditar que há males que vem para nosso bem.Sabermos que não existe volta ao passado, mas que há segundas chaces como a que eu tive.


Google imagens



Espero que eu tenha ajudado de alguma forma, pois fui o mais sincera possível em expor minha vida. Senti essa necessidade, pois quero que me conheçam cada vez mais.


Google imagens





Um bjão e que o fds seja abençoado!